Lua Nova em Escorpião – Conexão física e energética com os ambientes.

Domingo, entramos em uma nova lunação no signo de escorpião e vai reverberar pelos próximos 28 dias com muita força, por isso, vamos conversar como esse aspecto astrológico pode influenciar nosso espaço físico? Seja nossa casa, nosso escritório, ou os ambientes que passamos muito tempo e podemos ter idenficicações.

Primeiramente, escorpião tem como pilares a profundidade e intensidade, ao mesmo tempo que o desejo e a magnitude.

Seria importante refletirmos, quais são os lugares que nos trazem uma conexão forte, às vezes, dentro de casa temos um ambiente que usamos mais, e um ambiente que preferimos. Aqui, é pensar naquele ambiente que sentimos conexão, não necessariamente precisa ser um ambiente zen e todo calmo, pois podemos sentir essa presença e sensação de pertencimento com o mundo externo e interno quando estamos na nossa sacada vendo as luzes da cidade, ou quando estamos tomando aquele banho pós uma dia forte de trabalho, ou talvez quem sabe seja picando cebola na bancada da cozinha, ou até aquele lugarzinho que conseguimos ter um break do trabalho e paramos pra tomar um cafezinho, ou ler um capítulo do livro do momento. Seja qual for esse ambiente, é importante entender que o que ele remete é o flow, a totalidade com nossos sentidos e o momento de introspecção.

Essa lunação pede para que observemos esse espaço, valorizemos essa possibilidade e se caso for difícil encontrar um local principal para poder ter essa conexão diariamente, ou rotineiramente, que possa ser um ambiente que seja uma referência de quando nos sentimos bem de estarmos com a gente mesmo.

Pode ser que uma vez por mês você vá num parque, num café, numa livraria, pro meio do mato, pescar, mergulhar no mar, é o local/momento de estar em contato com nossa maior companhia, nós mesmos.

A lua nova traz também a possibilidade de intencionarmos e atrairmos tudo que for do nosso direito, não apenas da matéria que é finita, mas de tudo que nos faça sentir realização e potencia, portanto, que encontremos dentro de nós essa faceta que nos faz evoluir e que possamos identificar ambientes que nos traga esses momentos e sensações.

Acenda seu incenso, sua vela, coloque seu aroma preferido, tome um belo banho e vá até o seu lugar, aquele que você se sinta pertencente e tire um lindo momento de conexão com esse entorno e com você.

Feliz lunação escorpiana!

Vamos fazer mais jardim?

Deixar fluir é a lição das águas em busca da sua meta ou da sua origem.

E essa lição de vida também pode ser aplicada na implantação de um imóvel, num projeto novo ou onde a construção já está implantada.

Fazendo um projeto de reforma foi exigido pela Prefeitura de São Paulo, 15% do terreno de área permeável, para que as águas das chuvas possam fluir em busca do lençol freático, evitando enchentes tão comuns nas grandes cidades, por conta de porcentagens altas de pavimentações.

Bom, o convite é…vamos fazer mais jardim?

Além de tudo isso, fica muito mais bonito e ainda atrai passarinhos e borboletas!

O que você esta reverberando ?

Fotografei esse nicho porque hoje ele chamou minha atenção…sobre o taichi e sua importancia na minha vida e sobre esse livro: Entrega ao Deus Interior, de Eva Pierrakos e Donavan Thesenga, e seus ensinamentos … profundo, desafiador e que promove o autoconhecimento, apontando a parte que nos cabe como indivíduo (micro), nos efeitos gerados no macro.

Abri nesse trecho hoje:

“Se, para achar os seus defeitos, vocês fazem metade do esforço que comumente despendem achando os defeitos dos outros, vocês verão a ligação com a lei de causa e efeito e só isso os libertará, mostrando a vocês mesmos que não existe injustiça. Só isso lhe será a prova de que não é Deus, nem o destino, tão pouco uma ordem injusta no mundo em que vocês têm de sofrer as consequências das limitações das outras pessoas, mas a ignorância, o medo, o orgulho e o egoísmo de vocês que direta ou indiretamente causarão aquilo que pareceu, até aqui, entrar no caminho de vocês sem que vocês nada fizessem para tanto.
Descubram esse elo oculto e verão a verdade. Então compreenderão que vocês não são vítimas das circunstâncias nem da imperfeição dos outros, mas são realmente os que criam a própria vida.
As emoções são forças criativas de grande efeito, porque o inconsciente de vocês afeta o de outra pessoa. Essa verdade talvez seja a mais importante para a descoberta de como vocês provocam os acontecimentos, quer bons, quer maus, favoráveis ou desfavoráveis da vida.”