As flores atraem borboletas!

A casa fala!

Ela diz que além de uma barreira energética, ela tem uma barreira física de proteção de má intenção alheia, melhor remediar né?

Ela diz que chora inundada de emoções, vazando sentimentos, porém limpando tudo que não serve mais, melhor expressar do que reprimir, né?

Ela diz que tem gratidão ao sol, a chuva, ao sobrevoo das abelhas polinizando, a cada manifestação de reconhecimento que és bela , no colorido da nova vida que brota, das flores que alegram o jardim da varanda, atraindo borboletas.

Quebrar para renovar!

Todas as formas criadas possuem uma intenção e um “guardião” (elemental) para mantê-la viva até que o propósito se cumpra.

A intenção da forma está relacionada a uma função, ou seja, de uma cadeira é de proporcionar que alguém sente e ela ainda pode agregar mais qualidades como conforto, beleza, design, arte …

Observo quando harmonizo os ambientes através da ferramenta do Feng Shui, que algumas formas emitem uma saturação energética e muitas vezes, quando manipuladas, se quebram, principalmente materiais como vidro, cristal e cerâmica. É como se cansados de segurar aquela energia ou uma memória ou uma intenção desqualificada e não condizente, o objeto pedisse uma trégua … um basta!

Aconteceu numa harmonização que fiz nessa sexta feira passada, o vidro do quadro quebrou na mão da cliente e ela imediatamente entendeu o que significou aquele fenômeno, associando o símbolo ao local específico representado no baguá.

É preciso aceitar a quebra e nesse caso o melhor é não reciclar, nem colar … é desapegar e entender o ensinamento. Para haver harmonia e uma vida qualificada com significado é preciso ter coerência entre expressão (postura) e propósito.

E vamos transformar porque tudo que queremos ver plasmado no macro começa aqui, no micro!

No Propósito, em Unidade!

É uma gratidão enorme projetar para transformação dos Espaços e conseqüentemente  para transformação da vida das pessoas que se beneficiam da beleza, funcionalidade, salubridade e harmonia.

Tive a oportunidade de atuar em alguns Espaços que visam cuidar das pessoas, seja terapeuticamente ou na abertura de consciência com o propósito de libertação de paradigmas, para uma vida mais saudável, feliz e sustentável!

Acreditar no propósito dos condutores de cada Espaço e fazer parte da história deles, pela atuação com alguma das minhas ferramentas de trabalho, ou seja, Arquitetura, Design de Interiores, Terapia de ambientes, Feng Shui, Radiestesia Genética ou nas ferramentas de transformação que eles também podem me oferecer é uma Dádiva!

E esse trabalho em conjunto, que começa através de um sonho que se materializa e que posteriormente acaba contagiando positivamente tantos seres, confirma a idéia de que estamos todos Interligados num propósito maior, em Unidade.

Não leve nada para o lado pessoal!

“Não leve nada para o lado pessoal. Os outros não fazem nada por sua causa. O que os outros falam e fazem é uma projeção da própria realidade deles, dos próprios sonhos. Quando você se tornar imune as opiniões e ações dos outros, não será mais vítima de sofrimentos desnecessários.”

Vi essa frase como sendo de Buda, mas sei que também faz parte da filosofia Tolteca, sendo esse o segundo compromisso, dos quatro existentes.

Vejo a grandeza dessa frase e a liberdade que ela possibilita se aplicada … para mim um principio espiritual para treino diário!

E para ilustrar, espaço ainda em projeto, onde destaco aqui a tela do Buda, intensificando a área da Espiritualidade, baseado na Filosofia do Feng Shui.