Feng Shui= um processo de cura

Habitamos um corpo, nossa primeira morada …  este por sua vez habita a casa, nossa segunda morada … que por sua vez habita o planeta, nossa terceira morada.

Se identificamos doença e queremos nos curar, sabemos que essa iniciativa requer paciência, determinação, sabedoria, amor e unidade com nossas 3 casas.

Toda cura envolve um processo, levando em conta que a doença também se forma através de um processo, seja por acúmulo de hábitos errôneos ou sentimentos desqualificadas. Do micro, o corpo humano  … ao macro, o planeta, o remédio é harmonizar e a ação para tal, a princípio, movimenta, abala … como se por um longo tempo, por preguiça e comodismo, fomos jogando a sujeira pra baixo do tapete e num dia de entusiasmo, resolvemos limpar… e aquela sujeira vai levantar poeira, espalhar, embaçar o ar… podendo causar reações físicas, alergias, tonturas e não é de um dia pro outro que tudo ficará saudável, apesar dos baldes de água, aquele pozinho suspenso vai nos lembrando, que todo dia tem mais um pouquinho no ar… Isso só pra deixar claro que dá mais trabalho deixar para lá, do que  conscientizar-se que é preciso cuidar um pouco todo dia, pra não acumular mais !

Estamos falando de tanta coisa … das sujeiras físicas, das sujeiras emocionais … de “tralhas” físicas que vamos guardando, de “ tralhas ” emocionais que guardamos também ou pelo contrário, das” tralhas ” que jogamos fora  e achamos que o melhor é exteriorizar, gritando ao vento nossa dor, culpando tudo e todos  pelo nosso descontentamento … pra onde vai toda esse lixo e energia de aflição, raiva, e medo? … também não resolve nada !!!

Ser saudável requer conscientização, harmonia, amor e transmutação… e tem um mapa … o baguá do Feng shui, que pode orientar nisso … não é milagre … é um processo terapêutico … prá quem tem sede de evolução.

Na ilustração ambiente com mandala, uma dos remédios de cura do espaço.

Escritório ou Consultório ?

” É interessante ver como independente do tempo e do espaço, o conceito de que os espaços nos tocam e mexe com nossa vida é universal.No Egito Antigo os construtores dos templos e pirâmides eram também médicos e sacerdotes. Imhotep por exemplo, que foi o primeiro arquiteto da idade antiga, era também médico e sacerdote.Na china antiga os médicos recebiam inversamente proporcional à quantidade de doentes existentes em suas áreas de atuação. Eram médicos da saúde e não da doença. Então parte de suas atividades eram conhecidas como acupuntura, herbologia, exercícios respiratórios e os cuidados com a casa (Feng-Shui).Na antiga índia os médicos ayurvedas eram também responsáveis pela construção de templos, usando uma técnica chamada Vaastu Shastra, ou Vaastu Purusha, de maneira que os espaços sagrados possuíssem a melhor das energias.Cidades que prosperam até os dias de hoje, como Roma, Barcelona e Londres, foram construídas pelo império Romano, que dominava técnicas energéticas de construção e medicina. Um caso curioso é que fazia parte da eleição de um local de construção de cidade uma técnica que consistia em deixar um rebanho de ovelhas pastando no local por um ano. Após este período uma parcela era sacrificada e seus órgãos internos analisados. Caso o índice de doenças fosse grande o local era abandonado e buscava-se um novo lugar para a construção da nova cidade.Os Tuaregs na África preferem deixar que seus camelos façam o trabalho de encontrar bons lugares para descanso. Uma vez encontrados seus donos os retiram do lugar e montam suas tendas ali, certificando-se de que passarão a noite em um Bom Lugar.Indios americanos nunca dormem em qualquer lugar, sempre consultam o xamã ou o pagé para a permissão de construção de qualquer edificação de longa estadia.A Geobiologia, antes de criticar estas e muitas outras práticas, tenta entender porque e como estes povos ao longo dos anos usavam estas técnicas e adaptá-las aos tempos modernos para o aumento do nosso bem estar e qualidade de vida.”
Fiz minhas reflexões neste interessante texto de Allan Lopes e entendo o quanto essa verdade mora dentro de mim há tantos anos, porém com o estudo do Feng Shui, da Geobiologia e da Radiestesia esses conceitos vieram à tona e são hoje aplicados … tenho muita gratidão por essa descoberta.
Na ilustração foto do meu escritório ou consultório ?!  rsrs

Tranquilidade x Doenças

No exercício de aplicar o feng shui na casa de meus clientes, oriento sobre a necessidade de cada habitante ter um espaço próprio na casa, normalmente o quarto, para executar um baguá individual, onde a pessoa possa trabalhar os seus pontos pessoais relacionados ao trabalho, conhecimento, familia, prosperidade, sucesso, relacionamento, saúde, criatividade e amigos. Lógico que quando isso é possível e o espaço proporciona essa facilidade, se não deve-se eleger um canto para chamar de seu, de preferência organizado, para desacelerar, recarregar as energias e fugir do estresse, hoje considerado como um grande causador de doenças do sistema nervoso.

Hoje sabe-se que as células tronco estão continuamente se multiplicando, que podem dar origem à novos neurônios e que o sistema nervoso pode se recuperar, formando novas células, mas que dependem de vitamina D e de  tranquilidade emocional, já que o estresse e a depressão bloqueiam e impedem a substituição de neurônios perdidos, promovendo envelhecimento do tecido nervoso, podendo causar doenças neurodegenerativas e autoimunitárias como : parkinson, alzheimer, esclerose múltipla, lupus, miastemia gravis, artrite reumatóide, psoriase e diabetes do tipo 1.

  Abaixo excelente  entrevista com o especialista Dr. Cícero Galli Coimbra.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=yRQkITHjZ5k&feature=player_embedded[/youtube]

Geometria sagrada

A descoberta do talento capacita o ser, facilitando na realização de  formas perfeitas, no propósito da aproximação do Divino, seja na arte, na arquitetura, na música, na literatura … na criação … imagem e semelhança de harmonias que já conhecemos, como a proporção que observamos, baseado na Geometria Sagrada existente nas pinturas de Leonardo da Vinci, nas mandalas, no baguá ( feng shui ), nos gráficos de radiestesia, na cabala, na árvore da vida, no zodíaco, nos símbolos de cura quântica.

Estudiosos se baseiam na sequência de Fibonacci, em que cada número é obtido pela soma dos dois outros que o antecedem 1,1,2,3,5,8,13,21 … e chegam ao número áureo = 1,6, que é o resultado da divisão do maior pelo seu antecedente, e que podem ser ilustrados no desenho de uma espiral áurea presente no formato do crescimento do caramujo e na flor do girassol.Importante citar aqui a  Vesica Piscis, geometria resultante do encontro de dois círculos conhecido como “Olho de Deus”, que deu origem a “Flor da vida”, um padrão geométrico presente no DNA e nas células de todos os seres.

O estudo das relações entre essas proporções e formas leva a compreensão de que tudo oque existe advém de uma única verdade, de que a “vida floresce de uma mesma fonte, a força criativa inteligente e incondicionalmente amorosa que alguns chamam de Deus . As verdades da Geometria Sagrada são o meio mais eficaz para ilustrar à nossa mente lógica ( hemisfério esquerdo ) a Unidade de todas as coisas. “

Na ilustração acima, piso com  mandala feita com pastilha , seguindo o princípio da Flor da vida … abaixo excelente video explicativo sobre a Geometria Sagrada.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=LEN6kVaC1H4[/youtube]