Desidentificação

” Unir o útil ao agradável” … ” Juntou a fome com a vontade de comer ” !

Esses ditados podem ter um significado que indique que existe um gancho que sustenta uma relação por objetivos comuns.

Esses objetivos podem ser saudáveis, quando sustentam práticas onde dois ou mais envolvidos tenham ganhos reais com aquela vivência ou troca. Mas também pode ocorrer de, nas relações, vestirmos determinadas máscaras que compõe direitinho com o cenário da peça teatral encenada no palco da nossa vida, onde podemos ser vítimas, adulador, reclamador, inquisidor, crítico, cobrador, encrequeiro, sedutor, ” bonzinho ” … e sempre vivemos e assistimos histórias dramáticas nesse espetáculo.

Até que, num despertar, resolvemos não viver mais aquele papel e todo o elenco, acostumado e envolvido naquela história, sofre com a perda daquele ator que resolveu encontrar a sua verdade.

Tudo oque é ilusório ou falso na sua vida está se consumindo … a verdade é o estado do ser, não é um conhecimento. Ela é desvendada e vivida quando você elimina todos os obstáculos e resistências que impedem de viver quem você é. A verdade é a frequência vibratória mais elevada de um campo- pensamento em harmonia com sua mais profunda presença. “

Na ilustração projeto de reforma de uma edícula ( que abrigava uma churrasqueira ) para um Espaço Gourmet para casal e seus dois filhos. Cada um dos integrantes foi ouvido com relação as suas ” verdades ” e coube à nós a tarefa de filtrarmos todos os quereres para então chegar à um resultado que atenda aos objetivos comuns familiar.

Personalizado

Quando estava envolvida apenas com a Arquitetura, há algum tempo, não conseguia imaginar decorando a casa de alguém … pensava:  –O gosto é tão pessoal !!!

Fazia indicações, no projeto arquitetônico, do layout dos móveis e suas medidas e parava por aí !

Como colocar o toque profissional sem alterar a personalidade de seus moradores ?

Com o estudo do Feng shui e suas caracteristicas com relação a cor, textura, elementos, números, símbolos … em determinados lugares e a harmonia que esses elementos todos bem colocados proporcionam, somado ao gosto pelo design de móveis personalizado ao ambiente e ao cliente, ocorreu a validação e o acréscimo do Design de Interiores na minha vida profissional.

É interessante aliar uma nova proposta para o espaço com design  e sugestões de novas peças e layout com a participação de objetos, móveis, quadros e telas do universo pessoal de quem contrata.Tiro foto de todo esse universo e depois transformo em realidades virtuais, propondo uma nova repaginação, aliando o gosto do contratante com o nosso toque especial e característico.Adoro ver o resultado, porque ilustra a participação e toda uma história de quem habita o espaço com a sabedoria e a harmonia do colaborador.É gostoso ouvir – ” Olha aquele nosso quadro ali  !!! ”

Na ilustração imagens de quadros do universo dos moradores, adquiridos ao longo do tempo de casados, e nova sugestão de disposição no novo espaço com acréscimo de sugestão de mandala do designer João Paulo.

Meditação ativa no banheiro

O banheiro, local que realizamos a limpeza do corpo físico, também pode assumir a função de higienizar outro corpo. O mental também é um corpo que necessita ser limpo … esvaziado … existe muito lixo ali e na hora do banho, cantando ou em silêncio é possível esvaziar a mente.

Muitas pessoas tem o hábito de cantar no banheiro, quando tomam banho e acabam por enganar a mente tagarela … e nesse momento não pensam em nada … soltam e deixam a voz no automático, fazendo esse papel.

Outros, em silêncio, curtem o momento presente, observando o brilho da água saindo do orifício do chuveiro … caindo no corpo … sentem a temperatura da água, o perfume e a textura do sabonete, dando atenção a cada ponto do corpo, despedindo-se das células mortas da pele e dando espaço para renovação, com novas células.

Esse exercício diário é um hábito muito saudável, quando transformado numa meditação ativa, ou seja, estando no momento presente de fato, na ação de tomar banho, com os sentidos em alerta … tato … olfato … visão … audição …  e a mente fica quieta, o coração tranquilo e muitos insights podem acontecer nessa hora.

Na foto, banheiro clean com efeito de iluminação, reformado para atender casal que gosta de usar o banheiro junto ( 2 chuveiros, 2 cubas ) ou porque não dizer, que podem vir a gostar de ” meditar ” juntos !

Buda e Cristo

Ali esta, na área correspondente ao guá dos amigos, no trabalho de feng shui realizado no Espaço Matrix, as figuras de Buda e Cristo.

Lembre-se que tanto Buda como Cristo não são os nomes de Sidarta Gautama e Jesus, mas sim os estados que eles atingiram, o florescimento supremo … a iluminação.

Cada um deles, a sua maneira, deixou o exemplo de como nós, aparentemente simples mortais, podemos também nos tornar Budas, Cristos.

Podemos, através da reforma interior, identificar os nossos medos que provavelmente estão envolvidos numa casca dura de proteção para que ninguém reconheça a nossa fraqueza. Esta casca pode estar recheada de arrogância, orgulho, indulgência, comodismo, raiva, ciúme, dependências, preguiça … todas essas desqualificações e muitas outras fazem parte da defesa contra o medo, seja ele da solidão, de não ser amado, de não ser próspero, de não ser aceito, de sofrer.

Trazer a verdade à tona nos capacita a começar o processo de limpeza, primeiramente mudando hábitos errôneos repetitivos, buscando conexão com o bem, com o belo, com a luz … essa nova sintonia nos proporciona à lapidação, na transformação do chumbo em ouro … do encontro com a nossa essência Divina .

Desenho em nanquim por Wania Rodriguês